INFO

Conheça o Star Trips

 

O Star Trips era um programa de rádio que ia ao ar todos os domingos, das 19 às 22 horas, através da Star Sul FM. O programa foi ao ar no período de 26/09/2010 até 26/08/2012. A proposta do programa era tocar classic rock, nacional e internacional e levar a todos os ouvintes o rock de todos os tempos, estilos e tendências. Tocávamos desde Beatles até sons do mais pesado heavy metal, passando por Black Sabbath, Deep Purple, Uriah Heep, Pink Floyd, Supertramp, Van Halen, Kiss, Allman Brothers e muito mais.

 

Tocávamos também coisas diferentes, tais como ART OF NOISE e OZRIC TENTACLES. Dificilmente repetíamos músicas e gostávamos muito de tocar o LADO B de bandas conhecidas.

 

Apresentávamos os grandes clássicos, mas procurávamos fugir do "lugar comum".

 

O rock nacional também tinha lugar garantido no Star Trips. Titãs, Barão Vermelho, Cazuza, Cássia Eller, Mutantes, Golpe de Estado, Casa das Máquinas, Skank e tantas outras bandas e músicos conferiram ao programa uma qualidade sem igual. E sons menos conhecidos e tradicionais numa programação de rock fizeram a diferença. "Som Nosso de Cada Dia", "Premeditando o  Breque", "Arrigo  Barnabé", "Lingua de Trapo" e "Gilberto Gil" foram artistas  que fizeram parte das programações... Sempre, logicamente, buscando o lado rock n' roll dos mesmos.

 

E neste sentido, tínhamos o segmento FRONTEIRAS DO ROCK, no qual buscávamos levar aos ouvintes sons de grandes bandas e grandes artistas que levaram ou trouxeram o mundo do rock a outras fronteiras musicais. Exemplos desta proposta foi a apresentação da música do Led Zeppelin sendo executada pela Orquestra Filarmônica  de Londres; ou grandes clássicos do rock sendo tocados por dois violeiros rockeiros (Ricardo Vignini e Zé Helder); ou ainda bandas que misturaram rock com música eletrônica; ou mesmo Gilberto Gil e sua música "Extra II" cheia de swing e com uma levada bem puxada para o rock... E tantos outros experimentalismos que mostram que música é algo que realmente não tem fronteiras.

 

Os ouvintes que moravam nas proximidades dos bairros Vila Santa Catarina e Jabaquara (em São Paulo) podiam conferir o Star Trips pelas ondas do rádio; bastava apenas sintonizar a frequência  de  87,5 MHz. Para ouvintes que moravam em outras regiões ou em outras cidades (ou mesmo outros países) a audição era possível através da web; bastava acessar o site da emissora (http://www.starsulfm.com.br).

 

Durante o tempo que o Star Trips foi ao ar, vários programas foram gravados e disponibilizados em podcasts. Se quiser conferir como era o programa, ver e ouvir as programações, basta acessar o link "EDIÇÕES ANTERIORES" do site antigo.

 

O  programa  Star Trips era  produzido e  apresentado por Betão, o locutor rockeiro da Star Sul FM.

 

Atualmente, o Star Trips está sendo repensado. Talvez ele volte a ser apresentado ao vivo num dia de semana, à noite. Talvez vire uma rádio web, transmitindo rock 24 horas por dia. De concreto, o que temos é a transmissão via web dos podcasts "DROPS STAR TRIPS" e "PÍLULAS DE ROCK", produzidos por Betão com o intuito de manter a chama do Star Trips viva.

 

Fale com o Star Trips

 

Se quiser falar falar com seu locutor rockeiro, o meio mais fácil é através do Facebook. Curta a página do Star Trips no Facebook e passe a manter contato e ficar por dentro de tudo que rola no programa.

GALERA QUE PARTICIPAVA ATIVAMENTE DO PROGRAMA:

Da esquerda para a direita: Betão (Produção e locução), Fabiano Silva, Thais Seppe, Oity de Campos e Beto Souza.

História do Star Trips

 

O programa Star Trips começou como uma brincadeira num churrasco de domingo. O ano era 1998. Amigos reunidos saboreando carne na brasa e uma boa cerveja gelada. Muita alegria e descontração. Foi  quando Marcos Germano, genro de Osmar Ribeiro (proprietário da Rádio Star Sul), propôs para seu amigo Betão a inusitada idéia de apresentar um programa de rock na recém criada FM comunitária da Vila Santa Catarina. Betão, rockeiro convicto, aceitou a idéia imediatamente. Marcos Germano já tinha o nome do programa (Star Trips) e a música de abertura (a maravilhosa "Voyage to the Centre of the Earth" de "Rick Wakeman").

 

E foi assim que Marcos Germano e Betão juntaram seus acervos musicais e uma semana depois da idéia lançada no churrasco o Star Trips foi ao ar pela primeira vez (infelizmente as datas não foram devidamente registradas).

 

No início, o Star Trips era levado ao ar aos domingos, das 10 da manhã até o meio dia. Posteriormente, o programa passou a ser transmitido (sempre ao vivo) no horário entre 19 e 22 horas (o qual se manteve até sua última apresentação em agosto de 2012).

 

Depois de alguns meses a dupla de apresentadores virou um trio com a entrada de Silvio Novelleto. Silvio, além de um grande conhecedor de rock e de música em geral, tinha um acervo musical invejável, o qual já naquela época contava com mais de mil CDs e outros milhares de discos de vinil. Silvio também conferiu mais peso ao programa ao incluir na programação bandas de black e death metal. Com isto, o Star Trips caracterizou-se por ser um programa dedicado a todos os estilos do rock.

 

Marcos Germano acabou deixando de apresentar o programa por questões de tempo. Porém Betão e Silvio seguiram em frente com o glorioso Star Trips.

 

Betão conferia ao programa uma cara mais "classic rock" e Silvio incrementava a programação com sons mais pesados. Silvio também era o grande responsável por trazer raridades, em função de seu grande acervo.

 

Em abril de 1999 Betão decidiu dar um tempo e acabou deixando a apresentação do programa. E quem assumiu brilhantemente o lugar foi  Guilherme Vignini, amigo de Silvio. Guilherme tinha um conhecimento musical invejável e seu arsenal musical também era poderoso. Com certeza, Guilherme e Silvio juntos na produção e apresentação do programa, elevaram o patamar do Star Trips.

 

E foi assim com Silvo e Guilherme à frente do programa até o ano de 2002, quando a Rádio Star Sul fechou suas portas por questões burocráticas ligadas à concessão da licença de operação. E por conta disto, a história do Star Tripschegaria ao seu "primeiro" fim.

 

Vale citar aqui que a Rádio Star Sul nunca foi uma emissora "pirata". Seu proprietário sempre envidou os maiores esforços para utilizar uma frequência correta, contratando profissionais de telecomunicações para mapear as frequências que não estivessem sendo utilizadas por outras emissoras e que não interferissem em frequências de serviços especiais. Além disso, enquanto tentava conseguir a licença de operação junto aos órgãos competentes, a Rádio Star Sul operava mediante uma liminar concedida pela justiça. Infelizmente o processo burocrático era tão grande e difícil que num determinado momento a liminar perdeu seu efeito e a emissora infelizmente teve que encerrar suas atividades.

 

Foram oito anos de espera até que a licença de operação viesse a ser concedida pela Anatel. E em setembro de 2010, a Star Sul FM finalmente voltou a operar.

 

E nesta nova fase, a Star Sul iria necessitar de uma programação de rock. Foi então que Betão foi convidado a reapresentar um programa na emissora. Apesar de estar afastado de todo este processo, Betão nunca tinha abandonado a idéia de voltar a produzir o Star Trips. Desta forma, aceitou o convite e o Star Trips resurgiu das cinzas.

 

E lá estávamos nós novamente, desde 26 de setembro de 2010, aos domingos, levando até os ouvintes e amantes do bom e velho rock n' roll muito lazer, informação e cultura, através de uma programação variada e diferenciada, carinhosamente produzida para atender as mais  altas expectativas de seleta audiência do programa.

 

E assim foi até 26 de agosto de 2012, quando mais uma vez o Star Trips chegou ao seu final, ocasião na qual Betão, por questões pessoais, teve que deixar suas atividades de produção e apresentação do programa para se concentrar em outras responsabilidades.

 

Atualmente o Star Trips se mantém vivo através dos podcasts "DROPS STAR TRIPS" e "STAR TRIPS PÍLULAS DE ROCK".

 

A música que você ouve aqui é cortesia da Stay Rock Brazil