ENCONTRO MARCADO COM 14 BIS, SÁ & GUARABYRA - RESENHA DO SHOW

June 14, 2017

Já diziam os antigos que "quem tem amigos não morre pagão"...

 

Isto posto, inicio esta resenha logo de cara agradecendo a um grande casal de amigos, Oity de Campos e Maria Gabriela, os quais agraciaram minha esposa e eu com ingressos para ver um show de grandes lendas da música e do rock progressivo nacional.

 

Estou falando do show "Encontro Marcado, com Sá & Guarabyra e a banda 14 Bis.

 

O espetáculo, que ocorreu na casa de shows Citibank Hall, em São Paulo, neste último sábado, dia 10 de junho, conta com a participação de uma plêiade de artistas mais do que especiais, os quais tem carreiras musicais que de uma forma ou de outra se interseccionaram ao longo do tempo.

 

Contando com Sá & Guarabyra e a galera do 14 Bis (Flávio Venturini, Claudio Venturini, Sergio Magrão, Vermelho e Hely Rodrigues), este fantástico super grupo musical brindou a plateia com cerca de 23 canções em mais de duas horas de show musical e lindas histórias e causos contados com maestria por Sá e por Guarabyra.

 

E falando em canções, o setlist foi esplendoroso, formado por músicas consagradas nas trajetórias musicais de Sá, Rodrix & Guarabyra e também do 14 Bis... E mais alguns temas de outros grandes artistas brasileiros, tais quais Milton Nascimento e Renato Russo.

 

Após uma introdução falada, onde Sá contou em breves palavras como tudo aquilo tinha surgido, a banda performou a pérola musical de Milton Nascimento "Canção da América", a qual caiu como uma luva, já que trata de amizade... e amizade é o que não falta neste grupo.

 

A segunda canção performada pelo grupo foi "Criaturas da Noite" e levou o público diretamente de volta aos bons anos 1970, quando o rock progressivo da banda "O Terço" fazia parte da boa música popular brasileira.

 

Outro grande momento do show, pelo menos para mim, foi a execução da canção "Nascente", de Flávio Venturini... Em minha opinião, uma das mais belas letras e melodias da música brasileira... Flavio Venturini, mesmo não conseguindo em alguns momentos sustentar os agudos de outrora (e que a melodia pede), fez uma interpretação magistral e muito emocionante, a qual me transportou no tempo... Confira o vídeo...

 

 

Os momentos altos do show foram tantos que fica até difícil selecionar quais deles comentar... Claudio Venturini fazendo solos de guitarra magistrais... Lembranças saudosas de Zé Rodrix quando o grupo performou "Jesus Numa Moto"... Ou ainda, Guarabyra contando a história de como surgiu a canção "Espanhola", quando numa noite gelada da capital paulista, ocasião em que ele teria saído tarde da noite (bastante bêbado) de um bar paulistano qualquer e acabou indo parar na casa de Flávio Venturini para fugir do frio congelante... Segundo seu relato, ele teria feito a letra da música nesta noite aproveitando uma melodia já composta por Flávio... O detalhe hilário da história é que no dia seguinte, ele nem sequer se lembrava de ter ido à casa de Flávio e muito menos se lembrava de ter feito a música...

 

Partindo para a fase final do show, foram apresentadas três das mais belas canções da música brasileira, a saber, "Dona", "Planeta Sonho" e "Sobradinho"... E aí, meus caros amigos, a plateia foi à loucura, principalmente quando a banda executou as duas últimas... Inclusive, no vídeo que eu disponibilizo mais abaixo, tal loucura ficará bem explícita, na medida em que a filmagem ficou bastante tremida por conta da trepidação causada pela galera que dançou e pulou de forma bastante efusiva.

 

Pensando que o show já havia acabado, fiquei bastante surpreso (e feliz) ao ver os músicos voltando para o palco e novamente empunhando seus instrumentos... Opa... Outro bis... E então eles finalizaram o espetáculo com "Linda Juventude", sucesso absoluto do 14 Bis... Aí sim o show acabou...

 

 

PLANETA SONHO - UM RELATO PESSOAL

 

No ano de 1980 eu era um molecão de apenas 16 anos de idade que gostava de andar de skate e de ouvir rock n'roll... Como não tinha muita grana para comprar todos os discos de vinil que eu gostaria de ter, a solução era gravar fitas cassete com os discos que eu pegava emprestado dos amigos e ficar horas e horas com o ouvido colado no rádio procurando músicas boas nas parcas emissoras de rádio que de vez em quando tocavam algum grupo de rock.

 

E foi assim, que num dia qualquer neste ano de 1980, eu ouvi pela primeira vez a música "Planeta Sonho" do 14 Bis... Lembro como se fosse hoje... Quando aquele som do teclado do Flávio Venturini surgiu nos auto falantes do meu poderoso Hi-Fi fiquei todo arrepiado... Logo na sequência veio a parte cantada, a qual me levou numa viagem maravilhosa por um mundo que eu jamais tinha conhecido... A batida da música também era espetacular... E ai então o final tão viajante quanto as mais belas canções do Yes, banda que eu venerava...

 

Por esta razão, no dia 10 de junho de 2017, quase à meia-noite, quando a galera do 14 Bis acompanhada de Sá & Guarabyra começaram a performar "Planeta Sonho" eu quase chorei e me transportei imediatamente aos meus 16 anos, na sala da minha casa, delirando sozinho e ouvindo um som mágico e alucinante e que faz a minha cabeça até os dias de hoje.

 

 

Confira a seguir o vídeo (bem tremido) da performance maravilhosa de Planeta Sonho:

 

Finalizando esta resenha, só tenho a dizer que este foi um dos melhores shows dos quais já tive o prazer de participar.

 

Mais uma vez, agradeço ao Oity e à Gabi o presente de valor inestimável que eles nos deram!!!

 

Foi demais de bom!!!

 

Forte abraço e até a próxima.

 

Betão Star Trips

Please reload

Featured Posts

BANDA INGLESA "JAMES" FAZ SHOW SENSACIONAL NA TORRE DE BELÉM

September 9, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive